Posted on

Amor na Internet I

Amor na Internet I

O amor, deslumbramento ou fanatismo que alguns internautas fãs de Reality Shows devotam aos concursantes assemelham-se ao Amor Virtual e, portanto, é um tema sobre o qual cabe falar e discutir. Amor Virtual é um jogo simples ou o verdadeiro início de um relacionamento?

Thank you for your love!

Frank F Kafeitos

Como ser natural na frente de um monitor ou tela de computador? Muitos de nós parecemos ser o contrário do que somos ao tentarmos nos comunicar através da Internet, pelos chats da “moda”, através de posts, frases e comentários em microblogs, redes sociais, emails ou de mensageiros em sites de namoro, etc. Tudo que você precisa é de paciência e, em vários sentidos, de muita paciência.

Discutimos sem inibições e, talvez, alguns de nós tenhamos melhores sentimentos quando os expressamos por escrito, melhores do que se estivéssemos frente a frente com uma outra pessoa ou várias.

As famosas “cartas de amor” do passado, já em desuso, eram do mesmo tipo e cumpriam as mesmas finalidades que os amores virtuais de hoje e não eram necessariamente trocadas entre pessoas que se conheciam pessoalmente em muitos casos. A diferença é só o meio utilizado. Isso seria natural ou artificial?

Copie o código e cole na página de recados Orkut (5061)

Existem pessoas que não praticam o que falam ou recomendam, como se a dizer: “façam o que falo, mas não façam o que faço”. Muito mais fáceis e descomplicados são um beijo ou um abraço enviados on-line ou por carta do que poderíamos fazer em pessoa na realidade. Nós amamos e sempre nos atrai o mistério, o desconhecido, e, fazemos de alguém na nossa mente um esboço daquilo que sabemos apenas por um nome e palavras escritas, virtuais ou por carta, e imaginando quem ou como seria e estaria esta pessoa.

Ligue-se à Internet para encontrar seu par de alma, onde o número de chances é cada vez maior do que na vida real comum. De certa forma, há uma boa chance de encontrar alguém mais velho, mais experiente ou, quem sabe, na sua medida certa em idade e vivências, um interlocutor ideal. Você trocará ou adquirirá experiências às vezes inusitadas ou inesperadas. Eventualmente encontrará picaretas também, mas isso faz parte! Nada na vida é perfeito!

Algumas pessoas são casadas, e nem todos têm a sorte de encontrar o amor límpido e verdadeiro. Mesmo que você tenha um relacionamento real e estável, não há impropriedade em experimentar este tipo de relacionamento. O que acontece quando um relacionamento considerado excelente e gratificante, existente on-line através de comunicação escrita, de repente desaparece quando há um eventual encontro pessoal?

Todas as ilusões, os sonhos de um futuro bom relacionamento são ou provavelmente serão subitamente destruídos ou desfeitos. Você sentiu o amor que conheceu ou ideou através de palavras virtuais e não será provavelmente igual ao amor ou sentimentos que você terá quando estiverem lhe falando com palavras sonantes na sua frente. Pessoas muito ousadas por escrito na net podem ser pessoas totalmente diferentes das suas expectativas frente a frente.

Talvez serão tímidas ou deprimidas, ou ainda mais ousadas e audaciosas! Ou diferentes de tudo que você tenha imaginado! As chances são de que você irá se decepcionar, ao invés de vir a ser agradavelmente surpreendido ou surpreendida.

Através deste “amor virtual” você cria ou pode criar uma dependência inimaginável. Pode tornar-se um tipo de droga da qual você não pode ou não consegue escapar. Você se sente ligado a alguém que você não sabe quem é ou como é, no verdadeiro sentido. A voz no telefone ou vindo de um alto-falante de um computador pode conter palavras sensuais e inebriantes de um interlocutor que pode ser no mundo real uma pessoa que não te ama, porque você a conheceu em outras circunstâncias. E pode vir a ser o oposto do que você esperava!

Amor virtual (real ou não da outra parte), cria um estado de desconexão, de desejo e paixão flutuante em você, um pouco semelhante à insegurança de um amor real na vida real. É como o vento: você não vê, mas sente. Mesmo que não haja uma grande distância entre você e a pessoa, ao falarem somente através de uma relação impessoal, você pode sentir-se como se o amor cobrisse todas as partes do seu corpo, embora ele ou ela não esteja perto de você. Ele ou ela lhe dá a oportunidade de sonhar e viver um amor sem uma presença física. Seria um amor platônico em estado puro, idealístico, se é que um amor desse tipo pode ser ainda mais bem ideado do que já é por si!

Mas “amantes virtuais” existem, você então perguntaria? Sim e podem ser pessoas casadas, não necessariamente carentes, mas que adorariam ter discussões acaloradas ou íntimas com pessoas que não conhecem pessoalmente e as quais podem, por sua vez, serem casadas, ou terem relacionamentos estáveis e terem famílias. Este tipo de relação pode ser chamado de engôdo? Acho que pode, mas acho também que qualquer um de nós ou uma grande parte não se importaria de fazer este tipo de engôdo, pelo menos uma vez na vida. Seria então um engodo virtual ou real?

Por definição, o que é virtual não é necessariamente real! Um amor virtual pode não ser real, mas pode ser emocionalmente envolvente e confortante ou gratificante. Seria como uma amizade exclusivista, já que a verdadeira e pura amizade não é exclusivista. Quando vc sente cíúmes dos amigos de seus amigos você está lidando com um sentimento que ultrapassa a verdadeira amizade. Pode ser um amor platônico ou um sentimento de outro tipo ou de outra natureza. O amor (eros) é uma amizade egoística e a amizade é um amor liberal, fraternal.

Na amizade você deseja o bem estar e a felicidade dos seus amigos ou das suas amigas, não necessariamente contigo e, sem exclusividade. No amor (eros, não o virtual) você deseja o mesmo para ambos os amantes, você e a pessoa amada, mas sempre e necessariamente contigo e, com exclusividade. Isto é óbvio tanto para a amizade quanto para o amor, mas para alguns nem tanto!

Eventual advertisements or ads placed here are not the responsibility of the blog and are not entitled to endorsements from us

Advertisements

About Frank Killer

Astronomy, Physics, Quantum Theory, Terraforming, People, Computers, Computer Simulation, Reality Shows http://votalhada.blogspot.com.br/ @frankkiller04

Leave a Comment

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s